Conheça o substituto do visto 457.

Conheça o substituto do visto 457.

Desde de março de 2018, o governo australiano introduziu um novo visto de trabalho em substituição ao visto 457.

O novo TSS - Temporary Skill Shortage, entrou trazendo algumas mudanças e fazendo muito barulho entre empregadores, trabalhadores e possíveis novos aplicantes. Nesse artigo, esclareceremos alguns pontos importantes desse novo visto.

O QUE ESTE VISTO PERMITE QUE EU FAÇA?

O TSS é um visto temporário que permite ao titular viver e trabalhar na Australia, em período integral. Os aplicantes poderão incluir dependentes – membros diretos da família - em sua aplicação.

QUEM PODE APLICAR?

Esse visto é baseado em uma lista estratégica de ocupações, onde as ocupações disponíveis são divididas entre curto e longo prazo. Aplicantes com ocupações na lista de Curto Prazo, são elegíveis para vistos de até dois anos, podendo ser extendido uma vez, por mais dois anos. Aplicantes com ocupação na lista de Médio e Longo Prazo poderão receber o visto por até quatro anos, e poderão aplicar para residência permanente após três anos.

COMO ME QUALIFICO PARA UM VISTO DE TSS?

Você precisa que seu sponsor nomeie uma ocupação, utilizando como base uma das duas listas mencionadas acima. Essa ocupação precisará fazer sentido tanto para a empresa quanto para o aplicante. Tanto a descrição da posição quanto a experiência profissional e qualificação do aplicante devem refletir a descrição fornecida pelo órgão competente (ANZSCO).

O QUE EU PRECISO PARA APLICAR?

É importante demonstrar que você tem as habilidades necessárias para a ocupação, além do mínimo dois anos de experiência profissional relevante. Além das habilidades relacionadas a ocupação, é necessário um nível mínimo de inglês, dependendo da ocupação.

COMO APLICAR PARA UM VISTO DE TSS?

Basicamente, existem três etapas no processo de aplicação:

1 - Sponsorship O empregador deve ser um sponsor autorizado. Para isso, a empresa deve demonstrar operação de forma legal e ativa na Austrália, além de demonstrar o compromisso em treinar cidadãos australianos e residentes permanentes.

2 - Nomeação Após o pedido Sponsorhip, o empregador deve nomear uma posição que relacionada ao seu ramo de atividade e também aos skills do possível empregado. Como parte dessa etapa, existem vários requisitos a serem atendidos, entre eles a empresa deve demonstrar que “testou” o mercado de trabalho Australiano, por exemplo, anunciando essa mesma posição por um período mínimo específico. O salário da ocupação nomeada deverá estar em linha com os limites de renda propostos pelo Departamento (TSMIT - AUS$ 53.900), bem como com os salários para essa ocupação no mercado Australiano.

3 - Visto O terceiro passo do processo é o próprio pedido de visto, quando o aplicante deve demonstrar que ele atende ao nível de habilidade necessário para sua ocupação, bem como aos requisitos de saúde e caráter.

We help from wherever you are!

Head Office - Australia
Level 5 / 342 Flinders Street, Melbourne, VIC 3000 - Australia

Email: hello@spiible.com 
Phone: +61 3 9080 6672
Whatsapp: +61 406 247 900

 

Brazil - São Paulo
Av. Paulista, 1374 - Bela Vista, São Paulo - SP, 01310-100 (WeWork 11 andar)

Email: brasil@spiible.com.br 
Whatsapp: +55 11 99341-1558

Your Details
To contact us, please complete the details below.
Image CAPTCHA
Enter the characters shown in the image.